Comércios e ServiçosCotidianoCuriosidadesTrabalho

HELLO WORK – AS AGÊNCIAS DE EMPREGO NO JAPÃO


Olá,
Você sabe o que são as “Hello Work”? Bem, quem trabalha ou já trabalhou aqui sabe do que estou falando. As “Hello Work” (sim, o nome é em inglês! Escreve-se em katakana ハローワーク e os japoneses pronunciam harōwāku) são as Agências Públicas de Emprego no Japão. Espalhadas por todo o país, elas ajudam os desempregados à buscarem uma recolocação no mercado de trabalho e também providenciam um auxilio financeiro para que possam viver nesse período. 
Bem vindo à Hello Work!
Logo após o desligamento da empresa, o desempregado deverá procurar a agência mais próxima da sua casa e dar entrada no processo. Depois, terá que comparecer mensalmente para comprovar o que eles chamam de “estado de desemprego”, ou seja, você está procurando serviço, mas ainda não conseguiu. Existe uma ficha que o trabalhador precisa preencher com os dados das empresas em que fez contato, assim como, declarar caso tenha feito algum serviço temporário. Feito isso, o pagamento é depositado na conta bancária em um período de 7 dias. Esse direito também é extendido aos estrangeiros que contribuíram por mais de 6 meses com esse seguro.
Para procurar emprego, basta ir até a agência e acessar o sistema (integrado no país inteiro), para buscar uma vaga. Mas, se não dominar informática ou entender o anúncio, todo escrito em kanjis, pode falar com um dos atendentes. Eles irão verificar as oportunidades disponíveis e quais se encaixam melhor no seu perfil. Como muitos estrangeiros não dominam a língua local, alguns escritórios disponibilizam um tradutor, geralmente em português/espanhol, para ajudar no esclarecimento das dúvidas.
Uma das várias agências espalhadas pelo país
E uma coisa que achei interessante. Aqui, qualquer trabalhador, conforme já dito, que tenha contribuído no mínimo 6 meses, tem o direito de receber o seguro desemprego, tanto no caso de desligamento por parte da empresa quanto de pedido de demissão! A única diferença é que, quando a pessoa pede demissão, ela terá um período de suspensão de 3 meses. Cumprido esse prazo, receberá o auxilio normalmente.
Na minha opinião essas agências estão realmente interessadas em ajudar o trabalhador na busca por uma recolocação no mercado de trabalho. Também promovem cursos profissionalizantes, organizam palestras e oferecem cursos gratuitos de japonês para estrangeiros. E se a pessoa que está recebendo o seguro conseguir um emprego e desistir dos pagamentos, ela ainda ganha uma bonificação em dinheiro!
Quadro de avisos
Realmente, notei uma diferença imensa com o serviço prestado no Brasil. Lembro-me bem como era: madrugar na fila do Poupatempo para pegar uma senha e ficar lá até às 13h para ouvir a atendente dizer que não tinha uma vaga no meu perfil. Difícil né! Mas, espero que as coisas tenham melhorado por ai.
O que acharam desse sistema? Dúvidas, comentários ou sugestões para enriquecer o post, escreve abaixo que ficarei muitooo =)
Abraços
Thais Fioruci


10 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *