CuriosidadesTradição e cultura

LEQUES JAPONESES

Oie,
E o calor continua na terra do sol nascente! Essa semana, aqui na região de Tóquio, os termômetros marcaram cerca de 35 graus. Uma verdadeira sauna! Muitas pessoas passam mal e algumas até já morreram! Por isso, os japoneses sempre carregam consigo um leque.
Dizem que, ao observar as asas dobráveis de um morcego, um artesão japonês criou o leque no século VII. Presente desde a corte, eram decorados com poemas, pinturas, brasão de família ou algum outro desenho. Para a elite, usá-lo era sinônimo de elegância e charme. As gueixas o utilizam na dança, mostrando todo o seu equilíbrio, leveza e precisão.
Existem vários tipos e modelos de leques. São confeccionados em tecidos, papéis pintados, marfim, madeira, penas, plumas e rendas. Um mais bonito que o outro! E engana-se quem pensa que são baratos. Dependendo da gravura, esse item pode custar até 5 mil ienes!
Nas ruas e nas lojas, o pessoal fica distribuindo leques para tentar amenizar a temperatura. Lógico que são mais simples. Pior que você sempre acaba pegando um, aumentando sua coleção! Veja esses modelos:
Até mais,
Thais Fioruci
Referências:

12 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *