AventurasComércios e ServiçosCulináriaCuriosidades

YAKINIKU – RODÍZIO DE CARNES JAPÔNES

Olá pessoal,
primeiramente, gostaria de me desculpar. Estou muita atarefada e o tempo para cuidar do blog cada vez mais curto. Acreditem …. o tempo aqui voa! No final de semana, vou sempre em busca de conhecer novos lugares para dividir com vocês. Mas estou dando aquele famoso jeitinho brasileiro para dar conta de tudo. Aguardem mais posts quentinhos!

Então vamos lá. Outro dia (quem me segue no Twitter ou no Facebook já deve ter visto as fotinhas), fui conhecer o famoso restaurante yakiniku (yaki significa assado, grelhado em japonês enquanto niku é carne) japonês. É um lugar bastante curioso porque é um rodízio de carnes, mas com uma pequena diferença: aqui você assa sua própria carne. Funciona assim, paga-se um preço fixo e pode comer à vontade durante um determinado tempo.
No centro da mesa fica uma grelha para assar as carnes que ficam expostas à escolha do cliente. Tem vários tipos e cortes de carnes (boi, porco, carneiro, frango), além de frutos do mar e legumes. A carne é assada sem tempero, e depois de pronta, você pode passá-la em um molho especial. O legal é que depois de um certo tempo assando, a grelha acaba ficando queimada. O que fazer? Chame o garçom que ele troca a grelha para você! Uauuu prático né!
Nesse que fui, em Sagamino, na província de Kanagawa, também tinha lámen, sushi, pratos coreanos, drink bar além de rodízio de saladas, massas e sobremesas! Claro que o arroz e o misoshiro não podiam faltar!
Agora uma curiosidade: o yakiniku foi importado da Coréia (acho que é a do Sul rs). No final da Segunda Guerra Mundial, as carnes foram proibidas de serem comercializadas. Porém, os coreanos que moravam aqui, começaram a vender espetinhos assados de miúdos bovinos e suínos ilegalmente. Esse tipo de comida tornou-se bastante popular e os japas as consomem até hoje.
Depois das Olimpíadas de Seul, o número de restaurantes coreanos e os yakiniku-ya aumentaram rapidamente. Em 1991 a importação da carne bovina foi liberada, tornando seu preço mais acessível. Logo, o rodízio de carnes caiu no gosto dos japoneses. Logicamente, ainda prefiro um bom churrasco brasileiro, com a carne bem temperada, espetinho de queijo, pão de alho uhuuu. Mas, como estou um pouquinho longe, o jeito é matar a vontade com esse mesmo!
Beijos
Thais Fioruci
Referência:

12 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *