OBON – O FINADOS DO JAPÃO

Olá pessoal,
Equivalente ao Finados no Brasil, o “Obon” (お盆) ou somente“Bon” () é uma das tradições budistas mais importantes do Japão. Celebrado há mais de 500 anos, é uma ocasião para relembrar e homenagear os familiares já falecidos. Os japoneses acreditam que os espíritos de seus ancestrais retornam às suas casas durante essa data. Por isso, se reúnem durante esse feriado em sua cidade natal para visitar o túmulo da família (ohaka-mairi), limpá-lo e comunicar fatos novos, como nascimentos e uniões, aos entes queridos. Monges budistas também são chamados para fazer as devidas orações. Durante esse período, é normal sentir o cheiro intenso de Senko(incensos japoneses), vindo das residências e cemitérios.
Doces tipicos que os japoneses colocam no butsudan
 
O Obon inícia-se com a “recepção aos mortos” quando uma lanterna (chamada de mukaebi) com o símbolo da família é acesa e pendurada em frente da casa para guiar os espíritos. Esse ritual repete-se todas as noites, porém algumas famílias preferem acender uma fogueira.
Depois, verduras e frutas são servidas sobre folha de lótus ou de inhame no altar (butsudan) que fica no interior das residências japonesas. Figuras de animais feitas com berinjela e pepino, com patas de gravetos, também são colocadas: o pepino representa o cavalo, que traz o espírito dos mortos com rapidez, e a berinjela o boi, cujo caminhar é mais lento.
Três dias depois, os espíritos voltam para o mundo dos mortos. Novamente, a fogueira é acesa e recebe o nome de okuri-bi(fogueira da despedida). As pessoas levam os espíritos dos ancestrais de volta ao túmulo, com lanternas pintadas com o brasão da família para guiá-los em seu retorno. Esse ritual se chama Okuri bon.
Em algumas regiões, as pessoas colocam lanternas feitas de papel (chouchins), iluminadas por uma vela, nas águas de rios, lagos e mares, para que possam guiar as almas de volta ao mundo espiritual. Esse magnífico espetáculo é conhecido por Tooro Nagashi(灯籠流し lanternas flutuantes) e é uma tradição durante o Obon
Produtos típicos do Obon
 
Além disso, o Bon Odori (盆踊) uma dança é feita ao som de flauta e taiko, para dar boas vindas e agradecer aos antepassados. Existem diversos estilos de dança que variam conforme a região. São realizadas em locais como parques, jardins, santuários ou templos. A maioria das pessoas veste yukata (quimono de verão).

Como podemos notar, o fogo é um dos principais símbolos do Obon. Presente na lanterna e na fogueira de recepção, ele sinaliza a casa, para onde a alma deve retornar. Já no final do período da celebração, o fogo tem a função de iluminar o caminho até o mundo dos mortos. Também teria a função de espantar os maus espíritos que porventura tenham vindo junto. 
Em Kyoto, acontece o Daimonji (大文字significa literalmente “letra grande”) ou Gozan Okuri-bi (Okuribi significa “fogo de envio”), onde cinco fogueiras gigantes em forma de ideogramas ou desenhos são acesas nas cinco montanhas que cercam a cidade.
O feriado de Obon, apesar de ser chamado de “feriado” não é um feriado oficial, ou seja, muitos estabelecimentos continuam funcionando normalmente. Mas, pela tradição, a maioria das pessoas costuma viajar nessa ocasião. O festival dura cerca de 3 dias, mas a data de início pode variar de acordo com a região.
Ah …. mas é bom avisar! Viajar nessa época pode se tornar um verdadeiro pesadelo! Os trens, aeroportos e estradas ficam lotados e as passagens de shinkansen esgotadas.
Acho linda e fico realmente admirada com a cultura japonesa. Tão rica, cheia de detalhes, simbologias, significados que todos respeitam e conservam.
At.
Thais Fioruci
Referências:
http://www.japaoemfoco.com/obon-matsuri-bon-odori-e-tooro-nagashi/
http://www.nippobrasil.com.br/culturatradicional/526.shtml

18 comentários em “OBON – O FINADOS DO JAPÃO

  1. Gostei muito deste post!!!
    Uma coisa que acho interessante é que aki no Brasil, sempre tem o Bon Odori!! Independentemente de ser Odori!!! O.o? é comum ai tbm!?
    Abs e obrigada por tanto conteúdo!!!

  2. Olá!!
    Já havia lido sobre isso em outro blog.
    Já dancei aqui no Brasil, no Festival do Japão e num Undokai o Bon Odori.. Não sabia que a dança tinha a ver com o dia de finados… n_n

    Acho que é isso que me fascina na cultura japonesa. Mesmo em pleno século XXI as pessoas não esquecem sua cultura e continuam a pratica-la….

    Sempre que tiver posts novos eu venho comentar sim!! Se eu não vir vai ser por uma força maior.

  3. Oiee Kushina!!!!

    Ai as tradições do japão são lindas né!!!! Aqui tb é comum o Bon Odori mas geralmente é feito nos matsuri ou nas festas de Obon. Como não fui em nenhuma, nao consegui gravar =/ Sempre ia no Brasil tb com a minha sensei!

    Não preciso agradecer! Gosto de conhecer a fundo a cultura japonesa e quero compartilhar tudo com vcs!!!!

    Beijos
    Thais Fioruci

  4. Oie!

    Obrigada por deixar seu comentário! Sempre ia nas festas ai no Brasil, e tb dançava, mas não sabia o que era o Obon! Dps que cheguei aqui, fui pesquisar!

    Acho a cultura japonesa linda e fascinante! Tudo tem um significado e as pessoas seguem e praticam! É lindo ver aqueles doces no supermercados e todos comprando para colocar no butsudan!

    Beijokas
    Thais Fioruci

  5. adoro as suas matérias Thais ! Admiro pessoas assim como vc que apesar de não ser descendente, ter esse carinho pela cultura japonesa e seu povo…parabéns, continue assim !!
    beijos

  6. Moro ha anos e so agora descobri sobre esses docinhos rsrs…eu ficava pensando que sao bonitos mas quem comeria um doce assim ?de açúcar e duro rsrs …adorei saber desse detalhe !!!
    Adoro viver aqui …e o que mais me encanta é o respeito que tem a tudo e todos …
    Bjos !!!

  7. Olá Thais 🙂 Mais uma vez fazendo uma bela matéria, hein!? O mais legal de tudo que você tem a oportunidade de vivenciar tudo isso ^^ Como nunca fui ao Japão, apenas gosto muito da cultura, fico com medo de colocar algo errado lá no blog (japancultpopbr) rsrs mesmo que eu faça pesquisa antes! Mas se não você por você eu estaria perdido, pois muitas dúvidas que eu tinha foram esclarecidas, pois você as abordou em suas postagens! Obrigado por sempre trazer essa maravilhosa cultura pra mais perto da gente 🙂

  8. Olá Vitor =)

    Obrigada pelo elogio. Palavras assim me incentivam a continuar fazendo sempre o melhor trabalho e buscando informações interessantes aos apaixonados pelo Japão. Se vc tiver alguma dúvida, pode me perguntar, não sei tudo sobre a cultura japonesa, até pq ela varia muito de região por região, mas posso tentar te ajudar. Adoro pesquisar e saber mais sobre a cultura!

    Abraços
    Thais Fioruci

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *