AkashiCastelos do JapãoDicas para turistasHyogoTurismo no JapãoViajando pelo Japão

AKASHI – UMA BELA PONTE E UM CASTELO. CASTELO?


Olá viajantes,
Quem me acompanha pelas redes sociais já sabe que recentemente fiz uma viagem para a província de Hyogo. Procurei conhecer os principais pontos turísticos da região como o castelo de Himeji e a cidade de Kobe que em breve contarei em outros posts. Mas, em especial nesse, quero compartilhar uma surpresa que tive. Já estava no meu roteiro visitar a ponte Akashi Kaikyo, e no caminho, do interior do trem, lá no alto de uma colina avistei um castelo. Claro que fui conferir!
 
Castelo de Akashi – Localizado nas dependências do parque Akashi (Akashi Koen明石公園), esperava encontrar um castelo. Mas, cadê o castelo para minha surpresa? Não existe mais! O que restou foram apenas duas torres que provavelmente o protegiam de ataques. O parque é bem espaçoso e o visitante pode subir no alto da colina para tirar fotos próximas à uma delas. Apesar da minha decepção, é um lugar muito bonito e ideal para registrar belas imagens! A entrada é gratuita e fica à 5 minutos à pé da estação JR Akashi.
  



 


Ponte Akashi Kaikyo – Enquanto eu sou a louca dos castelos japoneses, meu marido é o louco por pontes. Disse ele que viu sobre esse em um documentário chamado “Gigantes da engenharia” e claro, queria conferir de perto. Não poderia negar esse pedido já que foi comigo atrás do tal castelo que eu tinha avistado no alto de uma colina (“a louca” kkk). Nunca dou muito crédito à esse tipo de passeio mas preciso admitir, a Akashi Kaikyo é realmente magnífica!
Concluída em 1998, é a maior ponte suspensa do mundo com 3911 metros de comprimento total e 1991 metros de vão central. Liga a cidade de Kobe à ilha Awaji e faz parte de uma rede nacional de estradas construídas pelo governo para conectar as ilhas Honshu, Awaji e Shikoku com o objetivo de estimular o crescimento econômico e o intercâmbio cultural do oeste japonês. A Akashi-Kaikyo tornou-se a ponte com o maior vão do mundo, superando o recorde anterior, o da Ponte Great Belt na Dinamarca. Ainda bateu mais três recordes: o de vão mais extenso, o de ponte mais alta e o de ponte mais cara (4,3 bilhões de dólares). Durante os dez anos de construção, nunca houve um acidente fatal e outra curiosidade, o comprimento total de fios de aço utilizados é de 300.000 quilômetros, quantidade suficiente para dar 7,5 voltas ao redor da Terra.
No local o visitante ainda encontrará: um Centro de Exposições com informações sobre o planejamento e construção da ponte assim como de outras pontes suspensas no mundo; Maiko Marine Promenade, observatório sob a plataforma da ponte, cerca de 50 metros acima da água e o “Bridge World”, uma visita guiada ao topo de uma das torres de 300 metros de altura da ponte. O passeio é apenas em japonês, realizada duas vezes por dia às quintas-feiras, sextas-feiras, sábados e domingos. Leva 2,5 horas e custa ¥ 3.000 por pessoa. É necessário reservar com antecedência.  

Ficou com gostinho de quero mais? Acompanhe os videos do passeio no canal do YouTube, clicando aqui.

Coloco poucas fotos para o post não ficar muito extenso, mas se quiser conferir mais pode verificar no meu instagran
Não deixe de ler os próximos posts!
Até lá,
Thais Fioruci
Referências:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *