COMO TIRAR VISTO DE TURISMO PARA O JAPÃO


Olá,
Sempre recebo dúvidas de viajantes em relação à qual procedimento seguir para tirar o visto de turismo para o Japão. Atualmente, meu visto é de residente, mas a primeira vez que pisei na terra do sol nascente, vim apenas com o visto de turista que lhe dá direito de permanecer 3 meses no país, podendo ser renovado por mais 3 meses, totalizando 6 meses no máximo.
O post será um pouco “cansativo” já que reúne informações burocráticas, mas espero que ajude e facilite o entendimento. Por vezes, a linguagem utilizada nas home pages dos consulados não é de fácil compreensão e o atendimento telefônico para esclarecimento de dúvidas, nem sempre é eficiente. 
Então vamos começar por dicas básicas. Você, precisa estar atento à isso:
<>     Após a data de emissão, ou seja, quando for buscar seu passaporte no consulado, terá até 3 meses para dar entrada no Japão. Se perder esse período, o processo deverá ser refeito;
<>     Seu passaporte precisa ter validade mínima de 3 meses;
<>     Aos viajantes que somente vão à Okinawa, apresente documentos que comprovem sua estadia na ilha, como passagens aéreas ou reserva de hotel, para que sejam isentos da tarifa de emissão de visto.
É importante lembrar que a emissão do visto de turista é bem rápida, geralmente leva umas 2 semanas, mas pode variar conforme a demanda do consulado onde entregou seu pedido. Outro ponto é, você reuniu todos os documentos necessários, entregou no balcão e te deram uma data de retorno. Isso não quer dizer que quando voltar, já estará com o visto nas mãos (eu pensei que era assim e quebrei a cara =/). Primeiro, analisarão e se necessário pedirão mais documentos. Então, uma dica que te dou: não deixe para a última hora!
>> Visto de Curta permanência – Turismo


Lista básica de documentos que precisa reunir:
1. Passaporte original;
2. Formulário de Solicitação de Visto original, assinado conforme o passaporte. (deixarei os links com os modelos no final do post). Menores de 18 anos, assinatura e cópia simples do RG do responsável;
3. Uma foto 3X4cm nítida e recente;
4. Carteira de Identidade RG ou RNE (cópia simples);
5. Passagem de ida e volta ou print de reserva (original e cópia simples);
6. Cronograma de viagem (original). Preencha o modelo disponível no final do post. Descreva a data de inicio e partida, os locais a serem visitados, a hospedagem e o telefone;
7. Comprovante de renda (original e cópia simples). Se o solicitante for custear todas as despesas da viagem, levar o Imposto de Renda Pessoa Física (todas as páginas, inclusive o recibo de entrega) e extratos bancários dos 3 últimos meses. Se tiver extratos de poupança, leve também. Neste quesito, eles precisam ter certeza de que você tem condições financeiras de permanecer no Japão pelo tempo solicitado. Agora, se você for dependente levar o comprovante de renda do financiador da viagem e um documento que comprove a relação familiar (cópia simples).
>> Visto de Curta Permanência – Visita à Amigos
Agora, vamos para um outro tipo de solicitação de visto de turismo. Digamos que você tem um amigo/namorado que mora no Japão, e deseja visitá-lo, como foi o meu caso. No caso, ele poderá ajudá-lo a custear suas despesas, já que provavelmente ficará na casa dele. Então, você terá que levar mais documentos, além dos citados acima.
> Se o seu amigo/namorado que reside no Japão for custear as suas despesas da viagem, peça para ele providenciar os seguintes documentos com validade de 3 meses:
1. Carta de Garantia original;
2. Atestado de residência original (Juminhyo). No caso de estrangeiro, não pode ser a versão resumida;
3. Cópia simples do cartão de permanência (frente e verso), se for estrangeiro;
4. Cópia simples do passaporte (páginas com dados pessoais, assinatura, vistos, selos de entrada e saída, etc.);
5. Comprovante de renda, um dos documentos abaixo original e cópia simples):
Gensentyoshuhyo
Shotokushomeisho
Kakuteishinkokusho
Holerites (3 últimos meses)
6. Carta Explicativa do Convite original. 
Minha experiência:
Perceba que se você for visitar um amigo, o número de documentos é maior e que a emissão de documentos no Japão mais o envio ao Brasil, demorará mais tempo, então apresse-se! Como dizia meu namorado/marido quanto mais documentos, melhor. E como não será um turista “comum”, pois estará visitando um morador, o consulado precisa saber se essa pessoa tem como custear sua estadia e onde você estará caso precise te achar.
Eu levei todos os documentos citados e não sei porque cargas d´água, pediram a cópia do imposto de renda do meu pai. No meu caso, quem estava custeando a viagem era eu e meu namorado/marido. Levei um documento que comprovava que era isenta do imposto de renda, mas mesmo assim, implicaram. O visto que levaria duas semanas para sair, acabou demorando mais que o planejado. 

Uma leitora, ao ler esse post, entrou em contato comigo para perguntar se o Consulado tinha me solicitado uma carta da empresa onde eu trabalhava para comprovar que estaria em período de férias. Não me pediram esse documento mas, como já sabia dessa possibilidade, levei antecipadamente. No caso, eu mesma fiz uma carta em um papel timbrado com o logotipo da empresa, dizendo que no período tal, funcionário tal, sob registro tal, estará de férias de suas atividades ….  algo assim … pedi para meu chefe assinar e carimbar. Mas, no caso, também poderá ser solicitado nos Recursos Humanos, sem problemas.

Uma última dica: preencha tudo em letra de forma e à caneta preta. Os japas não entendem nossa letra de mão e não utilizam caneta azul.

O Consulado Geral do Japão em São Paulo tem várias informações em seu site. Se tiver alguma dúvida, ligue para eles. Lembrando que, caso for solicitar em SP, o horário para entrega de documentos é de segunda, quarta e sexta das 9h às 12h e a retirada de segunda á sexta, das 14h às 16h. A taxa do visto é R$ 67,00 (uma entrada) e R$ 133,00 (múltiplas entradas).
Desculpe o post longo, mas espero ter ajudado de alguma forma! Essa foi a minha experiência, não sei como está o procedimento para a retirada do visto hoje. Se eu estiver falando alguma bobagem, por favor me corrija nos comentários.
Bos sorte!
Thais Fioruci
CONSULADO GERAL DO JAPÃO EM SÃO PAULO
ENDEREÇO
Avenida Paulista, 854 2 º andar
Edifício Top Center
Bela Vista, São Paulo, S.P.
CEP: 01310-913
INFORMAÇÕES PELO TELEFONE
O horário de informações pelo telefone é de segunda a sexta-feira (exceto aos feriados), das 14:00 às 16:00 horas.
TEL: (0XX11) 3254-0100 (Setor de Vistos)
Home page: http://www.sp.br.emb-japan.go.jp/index.htm

FORMULÁRIOS
Formulário de Solicitação de Visto para entrar no Japão disponível em
http://www.sp.br.emb-japan.go.jp/pdf/form_visto.pdf
Cronograma de Viagem disponível em  http://www.sp.br.emb-japan.go.jp/pdf/form_cronograma_viagem.pdf
Carta Explicativa do Convite disponível em http://www.sp.br.emb-japan.go.jp/pdf/form_carta_convite10.pdf
Carta de garantia disponível aqui http://www.sp.br.emb-japan.go.jp/pdf/form_carta_garantia10.pdf

26 comentários em “COMO TIRAR VISTO DE TURISMO PARA O JAPÃO

  1. Olá Thais!
    Eu pretendo viajar para o Japão com o meu namorado. Neste caso, você sabe se eles analisam os extratos bancários individualmente ou, como vamos viajar juntos, o importante é o montante das duas contas?
    Beijos! ♥

  2. No ano passado tirei o visto de turismo e foi super rápido, se não me engano ficou pronto em 2 dias! Agora tem também o visto de múltiplas entradas, pretendo tirar esse.
    Uma correção: a taxa do visto é R$67 (uma entrada) e R$133 (múltiplas entradas), não R$143

  3. Olá Paula!

    Pelo que vi, eles analisam os casos individualmente mas você pode escrever (ou certamente a atendente do guichê vai te perguntar)em alguns dos formulários que viajarão juntos que certamente eles checarão tudo. Japoneses são bem desconfiados.

    Boa sorte.
    Thais Fioruci

  4. Olá, adorei o blog!

    Em agosto desse ano irei passar a lua de mel com meu marido no Japão…Nos casaremos dia 23/07 e embarcamos dia 03/08…
    Fiquei com uma dúvida sobre o visto…entendi assim…Como vamos solicitar o visto antes do casamento, os dados devem ser os de solteira ainda, e né?

    Outra coisa, nós vamos ficar em casa de parentes meus e dele, mas quem vai custear nossa viagem somos nós mesmo. A parte do formulário "Garantidor ou referência no Japão" é obrigatória?

    Obrigada

  5. Olá Marcia!

    Sim, no caso vc ainda estrá com os documentos de solteira. Até pq se vc mudar o nome, terá q tirar um novo passaporte e isso leva tempo. No caso, os seus parentes teriam q te enviar uma Carta Explicativa do convite e nela eles explicam isso.

    At.
    Thais Fioruci

  6. Oieeee boa tarde!
    Adorei o blog!
    Mas gostaria de tirar umas dúvidas com vc.
    Meu namorado mora há 10 anos no Japão. Nós reencontramos através do face há 1 ano atrás e voltamos a namorar (a distância) há 4 meses rs. Então ele quer q eu vá pra lá pra conhecer o País. Mas meu receio é de ter o visto negado. Ele será meu fiador e irá custear a viagem. Está juntando a documentação para dar entrada no visto. Minha dúvida é: Corro o risco de ter meu visto negado? Pois atualmente n estou trabalhando pq estava acompanhando minha mãe num tratamento de saúde e tive q deixar o emprego. Qdo for dar entrada no visto, tenho q levar alguma prova de q namoramos? Não tenho mais fotos nossas e nem conversas do tempo q ele estava no brasil. O q preciso fazer para não ter meu visto negado? Desculpe tantas perguntas. É q a nossa vontade de voltarmos a estar juntos é tão grande, mas o medo de dar tudo errado é maior.
    Muito obrigada pela sua atenção.
    Bjssss Melissa.

  7. Oieeee boa tarde!
    Adorei o blog!
    Mas gostaria de tirar umas dúvidas com vc.
    Meu namorado mora há 10 anos no Japão. Nós reencontramos através do face há 1 ano atrás e voltamos a namorar (a distância) há 4 meses rs. Então ele quer q eu vá pra lá pra conhecer o País. Mas meu receio é de ter o visto negado. Ele será meu fiador e irá custear a viagem. Está juntando a documentação para dar entrada no visto. Minha dúvida é: Corro o risco de ter meu visto negado? Pois atualmente n estou trabalhando pq estava acompanhando minha mãe num tratamento de saúde e tive q deixar o emprego. Qdo for dar entrada no visto, tenho q levar alguma prova de q namoramos? Não tenho mais fotos nossas e nem conversas do tempo q ele estava no brasil. O q preciso fazer para não ter meu visto negado? Desculpe tantas perguntas. É q a nossa vontade de voltarmos a estar juntos é tão grande, mas o medo de dar tudo errado é maior.
    Muito obrigada pela sua atenção.
    Bjssss Melissa.

  8. Comigo foi um pouco parecido, talvez tranquilize você.
    No meu caso eu e minha namorada viajamos juntos. Ela é autônoma e não possuia nenhum comprovante de renda; eu fui o custeador da viagem, também autônomo, mas comprovando renda com o imposto de renda e extratos bancários de 3 meses. Pra piorar um pouco não dava para darmos a entrada no visto juntos, pois eu sou de São Paulo e ela de BH (a jurisdição é diferente, ela teria q tirar no consulado do Rio de Janeiro, que é onde residentes de Minas são atendidos).

    Para pedir o visto dela foram adicionados os seguintes documentos: uma carta de custeio na qual eu me declarava como responsável financeiro (assinada e com firma reconhecida em cartório), meus comprovantes de renda (IR e extratos bancários). Posteriormente pediram também a cópia do meu passaporte e do visto.

    O visto saiu sem problemas. No seu caso acho até mais tranquilo pois é uma situação já prevista pelo consulado, com todos os documentos bem especificados. Já no meu caso não havia nenhuma informação se era possível eu custear a viagem mesmo sem ter nenhum parentesco. Não precisa comprovar namoro (não faz sentido isso, ele nem precisa ser namorado para fazer isso. Quando é um visto de longa permanência pode precisar comprovar que é casada).

  9. Olá, estou passando aqui só pra avisar que meu visto foi aprovado e foi super tranquilo, apesar de estar bem ansioso. Fui no Consulado de Curitiba foram super educados e gentis. fiz tudo como pediu no site e ainda na ordem que pedia as documentações. Feliz demais em Novembro estou indo.

  10. Olá, estou passando aqui só pra avisar que meu visto foi aprovado e foi super tranquilo, apesar de estar bem ansioso. Fui no Consulado de Curitiba foram super educados e gentis. Feliz demais em Novembro estou indo. Abraços

  11. Hey, preciso de uma help urgente!!! Eu vou visitar minha namorada em dezembro, pretendo ficar 3 meses lá, mas estou com medo da hora do visto. Os atendentes do Consulado do RJ são muito grossos (até com ela que já está lá eles foram), e como somos um casal lésbico estou com muito medo de ter meu visto negado por algum tipo de preconceito… você sabe se isso é possível? porque eu não tenho como comprar uma passagem de quase 5 mil reais e eles negarem meu visto assim, mas estou com muito medo 🙁

  12. Hey, preciso de uma help urgente!!! Eu vou visitar minha namorada em dezembro, pretendo ficar 3 meses lá, mas estou com medo da hora do visto. Os atendentes do Consulado do RJ são muito grossos (até com ela que já está lá eles foram), e como somos um casal lésbico estou com muito medo de ter meu visto negado por algum tipo de preconceito… você sabe se isso é possível? porque eu não tenho como comprar uma passagem de quase 5 mil reais e eles negarem meu visto assim, mas estou com muito medo 🙁

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *